Eduardo Costa terá que comparecer a audiência por acusação de crime

Eduardo Costa é acusado de crime contra a fauna, a suspeita é que o sertanejo tinha em sua residência, três pássaros silvestres, o que é proibido por lei.

O caso ocorreu na pequena cidade de Capitólio, que fica às margens do Lago de Furnas.

É um dos principais pontos turísticos, o município além de contar com a beleza da represa, ainda oferece vários locais que atraem turistas do país inteiro.

Com informações do portal G1, a audiência de conciliação será na capital mineira, nesta terça-feira (14), às 15h05.  O cantor irá comparecer ao Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania, será averiguado o envolvimento do cantor no crime.

Entretanto o Fórum informou que um oficial ficou encarregado de entregar a intimação ao sertanejo, tendo em mãos o endereço dele na cidade de Belo Horizonte.

Leia também: 

Amizade entre Leonardo e Eduardo Costa está abalada, afirma jornalista

O fato aconteceu em 2015

Em 2015, começou esse problema, quando Eduardo Costa foi acusado de ter preso em gaiolas, dois pintassilgos e um bico-de-pimenta, sendo que em nenhuma das três aves foram encontradas as anilhas de identificação que são fornecidas pelo órgão ambiental.A assessoria de Eduardo Costa que não irá comentar sobre o caso,  mas o departamento jurídico do cantor está cuidando de tudo.

Enquanto a audiência era para ter sido realizada no último dia 22 de maio, mas como a Justiça não conseguiu encontrar o cantor, foi adiada para hoje.

Decerto fotos de Eduardo Costa posando com aves em seu perfil no instagram,  segundo a assessoria do cantor, os pássaros não pertencem a ele.

Olha a Judite ai, linda, inteligente, e ciumenta kkk, se alguma mulher chega perto ela bica mesmo.

Uma publicação compartilhada por Eduardo Costa (@eduardocosta) em

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *